Talita Scoralick » Blog da Talita

O line-up que pode inovar o Rock in Rio 2017

Noutro dia, em conversa com meu querido produtor Maurício Ávila (leia-se Estúdios Sonidus), estávamos pensando como a mulher, a front woman das bandas de rock, são pouco conhecidas e, diversas vezes, desvalorizadas no segmento artístico em questão.

halestorm-rock-cabeca

Assim, propomos um line-up para o Palco Mundo pra 2017, com muito metal, mulheres lindas e vocais arrebatadores para o próximo Rock in Rio.

1 – Evanescence

A banda andou sumida, mas vai chegar com tudo com o novo CD. Jamais subestimem o talento e o marketing de Amy Lee e seus comparsas – e agora, também com uma exímia guitarrista na nova formação. E as pessoas da minha geração que não sabem sequer quem canta Going Under, Bring Me To Life e My Immortal estão à beira do limbo.

2 – Halestorm

Considerado um dos melhores shows do palco Sunset deste ano, Lzzy Hale (já falamos dela nesse post aqui) e companhia mostram uma singularidade incrível: talvez pelo fato da front woman ter mais colhões do que muito marmanjo do rock que fica se achando o maior rockstar do universo. Mas, enfim, essas palavras não são minhas, são da mídia especializada. Quer conferir o show do Halestom? Link abaixo – e força para que eles voltem o mais rápido possível.

3 – The Pretty Reckless

Não conhece? Já te conto. Lembra daquela personagem ,  a Jenny Humphrey, bobinha e chata da série Gossip Girl? Acredite ou não, ela está à frente de uma banda ímpar, que jamais deixam desejar. Aliás, a própria Taylor tem uma voz surpreendente, além de ser uma gótica de excelente bom gosto. Vale à pena clicar abaixo, ainda mais quem só conhece a Jenny – mas cuidado! Seu queixo vai cair.

4 – In This Moment

Por último, mas não menos importante, teríamos em nosso line-up feminíssmo a banda In This Moment. No Brasil, o grupo ainda não é tão conhecido, mas até 2017 tudo pode tomar. A banda era normal e bobinha, até que a vocalista teve um insight e percebeu que a atitude rock da Lady Gaga traria um diferencial ao grupo. E deu! Maria Brink e banda seguem em shows, turnês e mídias. Aiai… Nada como ter uma ideia brilhante, não é mesmo?

Montei este line-up porque é um dos dias que certamente eu iria ao Rock in Rio. Como todo esse murmurinho de feminismo pra lá é pra cá, acho que a família Medina pode – e deve – apoiar a causa.

Aliás, que tal fazermos este post chegar ao Medina? Eu e a Talita ficaremos e extremamente agradecidas. AJUDE! Faça parte.

assinatura-nina

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Bianca Schultz Ramosoutubro 5, 2015 - 3:41 pm

Guria! Que demais esse post cheio de vozes lindaas!
Também acho que é preciso disseminar mais nossas vocalistas de banda de rock!
Faz muito tempo que não ouvia falar na Amy Lee, mas curto muito as músicas dela desde a minha época de escola!
E tou aqui sim de queixo caido com a fofinha da Jenny, haha! Sempre achei ela a mais linda da Gossip Girl e ela tá um mulherão com voz incrível! Já tou com YT aberto aqui pra conhecer mais da banda!

Beijos!
Blog Bianca Schultz

Maiycon Chagasoutubro 5, 2015 - 4:49 pm

Essa Nina é puro talento.. Belo texto..

fernando veiga ferreirasetembro 8, 2016 - 10:07 pm

rock n rio tem que trazer grandes atrações,e não ficar tampando buraco com linguiça,só pra dizer que teve o evento,a escolha das atrações teria que estar na mâo de quem entende,e não na mão da filha do medina,imagine se tivéssemos,madonna,cindy Lauper,simple minds,earth Wind fire,george Benson,helloween,tarja turunen,no palco principal,kiss,aerosmith,boston,rush,iria ser foda.

Seu email nunca será compartilhado. Campos requeridos *

*

*